Semana Farroupilha em casa o ano inteiro

Veja dicas para montar um ambiente rústico e homenagear a terra gaúcha

Na Semana Farroupilha, todos os gaúchos querem mostrar o orgulho de nascer no Rio Grande do Sul. Para aqueles que pretendem mostrar isso o ano todo, o Pense Imóveis procurou algumas dicas para criar um ambiente rústico com toque tradicionalista. É uma maneira de homenagear o Estado todos os dias e para todas as visitas.

acampamento farroupilha

A arquiteta e decoradora Nathalia Schneider, do Studio MA3, explica como combinar os objetos para que a casa lembre um pouco o Acampamento Farroupilha do Parque Harmonia, em Porto Alegre.  “É tendência na decoração de interiores criar lugares contemporâneos com peças rústicas”, disse.

mesa rústica

Mesas com gavetas são características de antigas fazendas. O uso delas em uma sala de jantar ajuda a criar o clima do campo na casa. A peça pode ser encontrada no Espaço House & Garden.

cristaleira

Cristaleiras também são peças clássicas das antigas fazendas. Portanto, combinam com o ambiente da família gaudéria.

armário cela

Esse armário é feito a partir de uma antiga baia de cavalo. Pode ser usado na sala ou no canto da churrasqueira.

aparador rústico

Ao apostar em aparadores rústicos, a família corre poucos riscos. Os puxadores desse modelo são feitos de ferro e lembram o antigo trabalho nas estâncias.

aparador tronco

Em outro modelo, o aparador é feito direto do tronco. “Tem sido mais em conta comprar móveis de madeira de demolição para ambientes rústicos”, comenta a arquiteta.

camera 3D

camera 3D

Nathália lembra que tapetes geralmente são usados perto de sofá ou de cama. Esses, de couro, são ideais para salas rústicas. O menor poderia ser usado em uma sacada fechada, por exemplo.

pelego

Já o pelego, peça clássica nos piquetes gaúchos, também pode ser usado sobre uma cadeira, confortável para a hora do chimarrão.

minipadaria

A peça, chamada de minipadaria, pode ficar perto da churrasqueira guardando os temperos e pequenos objetos utilizados pelo assador.

“A decoração rústica fica melhor se pensada em um ambiente pequeno. A família não pode esquecer que quer algo rústico, mas em uma vida moderna. O ideal é combinar móveis escuros com objetos claros”, orienta a arquiteta.

tábua rs

Mas o toque tradicionalista mesmo vai ser dado com artigos encontrados em lojas especializadas, como o Bolicho Gaudério. Para começar, o amor pelo Rio Grande pode aparecer direto na tábua para servir a carne, no formato do mapa do Estado.

porongos

Para a cozinha, porongos decorados fazem o papel de porta-erva de chimarrão ou outros ingredientes secos.

facas

As facas também são companheiras inseparáveis dos gaúchos no piquete. Então, é justo que recebam destaque na casa de um deles. Na decoração, vão penduradas na parede, perto ou em cima da churrasqueira.

relógio rs

Se a família não quer usar as facas, uma opção é usar um relógio como esse no mesmo lugar. Para aqueles que querem declarar mesmo seu amor pelo Estado, a peça também pode ser exposta na sala, desde que o ambiente não esteja carregado de artigos de madeira escura.

porta-espeto

Fechando o canto do churrasco, outros que merecem destaque são os espetos, indispensáveis para o preparo da carne. Um tronco de madeira é mais despreocupado e remete à vida no campo.

porta-espeto

Já esse modelo deixa o ambiente mais organizado, cuidando dos detalhes, sem descaracterizar o tema gaudério.

jogo de dama

Como os gaúchos gostam de uma disputa, depois do churrasco, o anfitrião pode convidar os amigos para uma partida de jogo de dama nesse tabuleiro de couro. É para não esquecer as origens nem na hora de descansar.

Leia mais
>> Conheça os tipos de churrasqueira disponíveis no mercado
>> Assessórios facilitam a vida do assador
>> Inclua a churrasqueira na decoração da casa
>> Dicas de arquitetura e decoração no Pense Imóveis 

Fonte: Pense Imóveis
Comente: